sexta-feira, 5 de fevereiro de 2010

Peça da coroação - a moeda mais cobiçada do Brasil

A moeda mais cobiçada do Brasil vale US$ 300 mil. Dois de seus exemplares fazem parte da coleção do Museu de Valores do Banco Central, em Brasília. Trata-se da moeda de 6.400 réis cunhada em ouro especialmente para a coroação de D. Pedro I como imperador do Brasil, em 1822. Vaidoso, D. Pedro odiou a estampa da peça, que trazia seu busto nu com dois raminhos de louro atrás das orelhas, dando-lhe ares de imperador romano. Os únicos 64 exemplares cunhados por ocasião da comemoração foram tirados de circulação. modificada a moeda, sua segunda versão, de 1823, traz o imperador fardado. Hoje devem existir apenas uns 15 exemplares registrados em todo o mundo - o restante foi derretido, pode estar enterrado ou perdido, e sabe-se que uma foi rechunhada como outra moeda . Uma delas foi arrematada por US$ 87 mil em junho de 1986 por um colecionador paulista em um leilão da galeria Spink and Son, em Londres, que faz leilões de moedas há 300 anos.

Fonte: http://www.snp.org.br/pecacor.htm



TERMOS UTILIZADOS NA NUMISMÁTICA.

Cruzado - Moeda portuguesa e também nome da série de moedas brasileiras do séc XIX de 100, 200, 400, 800 e 1200 réis.
Escripofilia - Estudo dos títulos e apólices emitidos pela União, Estados ou Municípios.
KM - Classificação numérica das moedas, por país emissor, adotada por Krause e Mishler.
Mossa - Vestígio de pancada na moeda, deformação.
Pataca - Nome dado a moeda de 320 réis.
Patação - Nome dado a moeda de 960 réis. Equivale a 3 patacas.
Tostão - Nome dado a moeda de 100 réis.
Proof - Sistema de cunhagem com espelhamento da moeda e também esse estado de conservação.
Sistema decimal - Divisão do padrão monetário do país em 100 frações (centavos).
Sistema inglês - Divisão do padrão monetário do país em 240 frações (penny) . sistema utilizado no Reino Unido e países da comunidade britânica até 1970, onde 1 libra era dividida em 20 shillings, sendo 1 shilling dividido em 12 pence (plural de penny)
Anverso - É o lado mais importante da moeda, mostra um símbolo escudo ou imagem que caracterize o país emissor
Reverso - É a parte da moeda que mostra o valor. Geralmente é nesse lado que aparece o símbolo do órgão emissor da moeda.
Contorno - É a parte entre esses dois lados. Sua largura varia de acordo com a moeda. O Canto foi inventado no sec. XVIII para impedir que os falsificadores raspassem as moedas de ouro e prata.


Um comentário:

  1. eu tenho uma pça da coroação, mais não sei se é original.

    ResponderExcluir